segunda-feira, 31 de maio de 2021

Por falta de insumo, Volkswagen vai parar 2 fábricas por dez dias

 

A Volkswagen vai suspender por dez dias as atividades nas fábricas de Taubaté, no interior de São Paulo, e São José dos Pinhais, no Paraná, devido à falta de componentes eletrônicos. A parada das linhas tem início marcado para 7 de junho, conforme informa a montadora.

Só em Taubaté, onde são montados os modelos Gol e Voyage, os cerca de 2 mil trabalhadores dos dois turnos da fábrica entrarão em férias, de acordo com o sindicato dos metalúrgicos da região. Apenas serviços essenciais de manutenção das linhas seguirão funcionando.

Assim como aconteceu na unidade da Volks em São Bernardo do Campo (SP), tanto Taubaté quanto São José dos Pinhais já tinham interrompido a produção por 12 dias entre fim de março e começo de abril por causa do agravamento da pandemia.

A Volkswagen cita a piora do quadro de escassez global de semicondutores, hoje o maior gargalo da indústria de automóveis, como o motivo da nova interrupção. A empresa lembra, em nota, que até agora vinha conseguindo administrar a situação sem grande impacto na produção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário