terça-feira, 23 de março de 2021

Lira sobre a Lava Jato: “Jamais poderá merecer o perdão da história”

 arthur lira Luis Macedo Ag Camara Lira sobre a Lava Jato: “Jamais poderá merecer o perdão da história”

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou nesta terça-feira (23) que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu por uma revisão histórica em relação à Lava Jato, mas que a operação “descambou” para um Estado Policial que “jamais poderá merecer o perdão da história”.

“A operação jamais poderá ser contestada em sua coragem de enfrentar os poderosos, os grandes interesses, a corrupção sistêmica”, escreveu Lira.

“Mas o Estado Policial, para o qual a Lava Jato descambou em certos momentos, lamentavelmente, com suas parcialidades, seletividade e perseguições, jamais poderá também merecer o perdão da história”, acrescentou.

Com o voto da ministra Cármen Lucia, a Segunda Turma do STF declarou, nesta terça-feira, o ex-juiz Sergio Moro parcial nas investigações da Lava Jato contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

A decisão faz com que todas as provas colhidas em Curitiba no caso do tríplex do Guarujá sejam anuladas e precisem ser produzidas novamente na Justiça Federal em Brasília, para onde as ações foram enviadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário