segunda-feira, 13 de julho de 2020

Universidade da Rússia conclui testes clínicos e é país mais próximo da vacina

A Rússia anunciou no último domingo, 12, que concluiu a primeira fase de testes de uma vacina contra a Covid-19. O País está mais perto de se tornar o primeiro a iniciar a distribuição de uma vacina contra o coronavírus para a população.
“A pesquisa foi concluída e provou que a vacina é segura”, disse Yelena Smolyarchuk, chefe do centro de pesquisas clínicas da Universidade Sechenov, à agência de notícias estatal TASS.
A vacina aprovada foi desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa para Epidemiologia e Microbiologia Gamalei. Segundo o diretor da instituição, Alexander Gintsburg, a previsão é que a vacina “entre em circulação civil” entre 12 e 24 de agosto.
Os testes com a vacina começaram no dia 18 de junho, quando o primeiro grupo, de 18 voluntários, recebeu a imunização. Cinco dias depois, no dia 23, mais 20 pessoas receberam a dose, também deste tipo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário